Carolina Botura

Carolina Botura (1982, Botucatu – SP) vive e trabalha em Belo Horizonte- MG. 

É artista plástica, performer e poeta. Graduada pela Escola Guignard – UEMG em Pintura e Escultura, trabalha com cruzamento e prolongamento de linguagens tendo a ação como disparadora de sua produção em desenho, pintura, escultura, instalação, performance, vídeo, música e cerâmica. Suas pesquisas estão relacionadas à transformação e ao movimento. Caos e origem atravessados pelo viés do tempo para tratar de temas como animalidade, amor, morte, magia, perda, sexualidade, espiritualidade, energia, política e natureza.

É co-idealizadora da VESPA (via de experimento em performance e ação) e da Ex tre MA Residência Artística e festival de punk, noise, metal, experimentale da residência itinerante em artes vivas, Líquen. A artista integra os projetos plástico-musicais B∆siLåßusi – banda punk noise acionista, O∆H – dedicado ao ritual noise ambiente e seu projeto solo Karø.

A artista participou diversas mostras individuais e coletivas além  de residências artísticas no Brasil e no exterior.

Site da artista

Artista Plástica, Performer e Poeta. Graduada em Pintura e Escultura pela Escola Guignard-UEMG (2014/15).
Trabalha com cruzamento e prolongamento de linguagens. Em suas pesquisas investiga movimento, transformação, origem, caos, natureza, animalidade, magia, amor e morte. Participou de mostras e residências como: Festival Internacional de Música Experimental de São Paulo – FIME dentre outras. Realizou as individuais “Casa para um animal” – BDMG Cultural, e “ As coisas não são muito elas” – Memorial Minas Gerais Vale

 

Imagem de Amostra do You Tube

Imagem de Amostra do You Tube

Imagem de Amostra do You Tube